Logo IncubaTec

  1. Histórico

Em 2008, o Deputado Júlio Semeghini dispunha de uma emenda parlamentar para implantação de uma incubadora de empresas de base tecnológica, via Ministério da Ciência e Tecnologia. O desejo do Deputado veio de encontro com as ideias do Diretor da Etec de Fernandópolis, Fernando José Pereira e um grupo de professores na área de TI, onde estes escreveram um projeto para criação da IncubaTec, que foi aprovado em dezembro de 2008. Os recursos disponibilizados somavam R$ 780.000,00 (setecentos mil reais), sendo R$ 700.000,00 oriundos do Ministério da Ciência e Tecnologia e R$ 80.000,00 contrapartida do Centro Paula Souza.

  1. Incubadora de empresas e IncubaTec

Uma incubadora de empresas é um mecanismo que estimula a criação e o desenvolvimento de micro e pequenas empresas (industriais, de prestação de serviços, de base tecnológica ou de manufaturas leves). Em dezembro de 2008 foi apresentado ao Centro Estadual de Educação Tecnológica Paula Souza a proposta para implantação da Incubadora de Bases Tecnológicas da Escola Técnica Estadual de Fernandópolis – IncubaTec, desenvolvida pela equipe da Escola Técnica e em parceria com a Prefeitura Municipal de Fernandópolis, Associação Comercial e Industrial de Fernandópolis, Fundação Educacional de Fernandópolis e Unicastelo. Em 2010 foi firmado um convênio entre o Centro Paula Souza em parceria com a Prefeitura Municipal de Fernandópolis, com a finalidade de construção de um novo espaço dentro do campus da Etec para abrigar a incubadora, fase atualmente em andamento. O referido prédio conta com seis salas onde serão alocadas as empresas e projetos incubados, sala de reuniões, dependências administrativas, CPD, cozinha e almoxarifado, totalizando 347m² em dois pavimentos.

Para o início dos trabalhos da IncubaTec, foi adequado um ambiente dentro da Etec de Fernandópolis, possuindo 103m² de área construída, banheiros, rede elétrica e de dados, móveis e equipamentos, compondo um espaço ideal para abrigar as futuras empresas e projetos. O prédio ainda possui vários ambientes, como auditório com capacidade para 125 pessoas sentadas, dois laboratórios de informática com 20 computadores cada e mais sete salas que eventualmente poderão ser utilizadas. Toda essa estrutura poderá ser compartilhada e utilizada para reuniões, palestras, treinamentos e desenvolvimento dos projetos dos incubados.

  1. Funcionamento e objetivo geral da IncubaTec

O funcionamento da IncubaTec será viabilizado pela Escola Técnica Estadual de Fernandópolis – Etec de Fernandópolis, com a cooperação de seus parceiros (Prefeitura municipal de Fernandópolis, ACIF, FEF e UNICASTELO) e regido por normas estatutárias.

O objetivo geral da incubadora é colaborar com a criação de micro e pequenas empresas de bases tecnológicas, especialmente da cidade de Fernandópolis e região, oferecendo a elas espaço físico especialmente construído para alojar temporariamente os projetos, micro e pequenas empresas constituídas, além de suporte técnico, gerencial e formação complementar, facilitando e agilizando o processo de inovação. A incubadora irá oferecer uma série de serviços, tais como cursos de capacitação gerencial, assessorias contábil e jurídica, consultorias na área de tecnologia da informação, orientação na elaboração de projetos, serviços administrativos, acesso a informações, entre outros.

  1. Processo seletivo de modelos de negócio

Para participar do processo seletivo, os interessados devem acessar o site www.incubatec.etecfernandopolis.com.br, ler o edital, disponível no Menu “Downloads” e descrever algumas informações pertinentes ao projeto no Menu “Inscreva-se”. O edital é de fluxo contínuo, ou seja, não existe uma data final ou limite para o recebimento das inscrições.

  1. Público alvo

Não só os alunos da Etec de Fernandópolis, mas toda a comunidade de Fernandópolis e região estão envolvidas no projeto da IncubaTec. Fernandópolis é uma cidade economicamente agrícola e comercial, além de contar com duas instituições de ensino superior e uma instituição de nível técnico, as quais são responsáveis por gerar mão de obra qualificada para os diferentes setores econômicos da região. Contudo, a região de Fernandópolis ainda não se consolidou como geradora de empregos, principalmente no setor da Tecnologia da Informação e Comunicação, fazendo com que grande parte dos profissionais qualificados pelas referidas instituições busquem melhores oportunidades de emprego em outras regiões do País. A IncubaTec terá fundamental importância na absorção de parte da mão de obra existente na região, que trabalhará direta ou indiretamente nas empresas incubadas. Além disso, as empresas locais terão acesso privilegiado aos projetos desenvolvidos na incubadora, podendo até mesmo participar deles como empresas-piloto. Finalmente, o projeto proporcionará aos futuros empreendedores oportunidade de se aperfeiçoarem e de atuarem no mercado de trabalho local, mediante a criação de empresas voltadas ao setor tecnológico, gerando assim, empreendimentos de bases auto sustentáveis, capazes de impactar positivamente no crescimento econômico da região.

  1. Investimentos

O convênio com o Ministério da Ciência e Tecnologia prevê um total de R$ 780.000,00 (setecentos e oitenta mil reais) para investimento da IncubaTec, sendo que parte deste recurso já foi utilizado para compra de equipamentos e adequação da área provisória para instalação dos projetos incubados, totalizando R$ 339.622,40 e o restante será utilizado para finalização e adequação do prédio anexo a escola, que atualmente está sendo construído pela Prefeitura Municipal de Fernandópolis.

O Centro Paula Souza e a Prefeitura Municipal de Fernandópolis firmaram uma parceria que visa a construção de um prédio anexo à Etec de Fernandópolis. A obra ainda não está finalizada e por este motivo, foram realizadas adequações no prédio II da Etec de Fernandópolis, numa área de 103m². Foram colocadas divisórias para compor os espaços que irão abrigar as futuras empresas, que inicialmente serão três, além da aquisição de móveis e equipamentos essenciais para o desenvolvimento das atividades dos incubados.

Enviar uma mensagem